III Encontro de Museus Indígenas de Pernambuco.

451c7fd0-8983-4d24-a601-e0f06e1ae9ce

III ENCONTRO DE MUSEUS INDÍGENAS EM PERNAMBUCO

 

Data: 15 a 19 de agosto de 2016

Local: Território Indígena Kapinawá (Buíque/PE)

Realização:

Núcleo e Estudos e Pesquisas sobre Etnicidade, Programa de Pós Graduação em Antropologia

Apoio:

Pró-Reitoria de Extensão (UFPE), Comissão de Museus e Patrimônio Cultural da IAUES. Fundação Joaquim Nabuco e Rede Indígena de Memória e Museologia Social do Brasil

 

PROGRAMAÇÃO (EM CONSTRUÇÃO)

Dia 16 de agosto, Terça-Feira- MANHÃ

8:00h

Ritualística de abertura do encontro (Palavras de abertura)

Caciques e pajés presentes

Rede Indígena de Memória e Museologia Social,

NEPE/UFPE, FUNDAJ, APOINME, COPIPE, COJIPE, FUNAI, MUSEU DO ÍNDIO, IBRAM

Prefeitura de Buíque/PE, Secretaria de Cultura do Estado de Pernambuco

 

9:30h

Intervalo

 

10h

Conferência de abertura – “Museus Indígenas, Desafios e Oportunidades”

Profa. Dra. Lux Vidal (USP- IEPE)

 

12:00h

Almoço

TARDE

14:00h

Painel

Acervos indigenistas, coleções etnográficas e educação intercultural: diálogos colaborativos com os museus indígenas

Coordenação: Renato Athias (NEPE/UFPE)

Participantes:

Cláudia Lopez (Museu Paraense Emílio Goëldi/PA)

José Carlos Levinho (Museu do Índio)

Fabrício Narciso dos Santos (Museu Kuahí/AP)

Leandro Cruz (Projeto Xingu/UNIFESP-SP)

Marília Xavier Cury (USP)

Ione Couto (Museu do Índio/FUNAI-RJ)

Josué Carvalho (UFSC)

NOITE

20:00h

Noite cultural

 

Dia 17 de agosto, quarta-feira- MANHÃ

9:00h

Painel

Arqueologia, Antropologia e Museologia: diálogos colaborativos com os povos e museus indígenas

Coordenação: Sylvia Porto Alegre (UFC)

Participantes

Guga Sampaio (ANAÍ e UNEB/BA)

Ugo Maia Andrade (UFS)

Manoel Souto Maior (arqueólogo/UFPE)

João Damasceno Jr. (Centro de Pesquisa de História Natural e Arqueologia do Maranhão)

Nilvânia Barros (UFAM/Benjamin Constant)

Nino Fernandes (Museu Maguta/AM)

Róbson Rodrigues (Fundação Araporã/SP)

Lúcia Van Veltem (Museu Goëldi/MCT)

 

12:00h

Almoço

 

TARDE

14:00h

Painel

Políticas Culturais, Patrimônio e Museus indígenas: continuidades e descontinuidades

Coordenação: Alexandre Gomes (UFPE)

Participantes

Suzenalson Santos (Museu dos Kanindé e UFC)

Ronaldo Siqueira (Museu Kapinawá)

Daiara Figuerôa (Colegiado Setorial de Patrimônio Imaterial/CNPC/MINC)

Davi Kaseker (Sistema Estadual de Museus de São Paulo/SISEM-SP)

Maurício Antunes (Fundação Joaquim Nabuco/FUNDAJ-MEC)

João Paulo Vieira Neto (Rede Cearense de Museus Comunitários/RCMC)

Cínthia Oliveira (Departamento de Processos Museais/Coordenação de Museologia Social e Educação – DPMUS/COMUSE/IBRAM)

Chiquinho de Assis – Coordenação para Povos Tradicionais e Populações Rurais/FUNDARPE

Secretaria de Cultura e Diversidade Cultural/SCDC

Sistema Estadual de Museus do Ceará/SEM-CE

Prefeitura Municipal de Buíque

Prefeitura Municipal de Tupanatinga

Prefeitura Municipal de Ibimirim

NOITE

8:00h.

Abertura do II Fórum Nacional de Museus indígenas – Apresentação das delegações/participantes e ritualística de abertura

Mediação: José Ronaldo (Museu Kapinawa/PE) e  Suzenalson Santos (Museu dos Kanidé/CE)

 

II Fórum Nacional de Museus indígenas – 17, 18, 19 e 20 de Agosto (Quarta, quinta, sexta e sábado)

 

Comissão Científica:

 

Renato Athias (UFPE)

Vânia Fialho (UPE)

Marília Xavier Cury (USP)

Ugo Maia Andrade (UFS)

Cláudia Lopez (Museu Paraense Emílio Goeldi)

 

Informações: secretaria.nepe@gmail.com

Advertisements

II Seminário de Planejamento das Ações e Atividades do Projeto Museus Indígenas de Pernambuco.

Local: Águas Belas – Aldeia Fulni-o
Data:
06 e 07 de julho de 2013
Participantes:
representantes dos povos indígenas de Pernambuco, articuladores locais e equipe técnica do projeto.

O II Seminário de Planejamento do Projeto Museus Indígenas em Pernambuco (Nepe/Ufpe) faz parte da continuidade das ações e atividades que vem sendo realizadas através de uma parceria entre o Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Etnicidade/NEPE e os povos indígenas no estado de Pernambuco, para o apoio e fortalecimento dos processos museológicos protagonizados entre estas comunidades .

A iniciativa de formação de uma rede de museus indígenas foi resultado da mobilização das várias lideranças indígenas que reivindicavam a gestão das políticas culturais no uso de suas tradições e espaços da memória. Este movimento foi dinamizado a partir de 2010, com a publicação do Museu Virtual da Coleção Carlos Estevão de Oliveira, acervo do Museu do Estado de Pernambuco. O acervo etnográfico dessa coleção possui cerca de 2.250 objetos e 1.200 fotografias de vários grupos indígenas. A visibilidade dessa coleção e a riqueza cultural nela representada fez surgir sucessivos debates sobre os meios que fomentem a apropriação dos objetos e recursos da memória, servindo como marco referencial da proposta dos museus indígenas em Pernambuco.

Em setembro de 2012, foi realizado o I Seminário de Planejamento do projeto Museus Indígenas em Pernambuco (Olinda/PE), no qual foi elaborado um cronograma para a realização das oficinas Diagnóstico Museológico Participativo, ministradas por estudantes de Museologia/UFPE, em parceria com articuladores locais dos povos indígenas. Em dezembro de 2012, foi realizado o I Encontro de Museus Indígenas de Pernambuco (Recife/PE), no qual os resultados das oficinas foram apresentados e debatidos.

Desta vez, o evento contará com a presença de representantes de todos os povos indígenas de Pernambuco, gestores públicos das áreas de Cultura e Educação, apoiadores e a equipe técnica do projeto. Este encontro tem como objetivo realizar o debate e o planejamento de articulações voltadas para a consolidação de uma política museológica implementada e gerida pelas comunidades indígenas de Pernambuco.

O II Seminário de Planejamento visa discutir a continuidade dos processos de salvaguarda, comunicação e pesquisa das diversas representações museológicas presentes entre os povos indígenas em Pernambuco. O objetivo principal do encontro consiste na finalização dos diagnósticos museológicos participativos e no planejamento das ações para o segundo semestre de 2013, que terminará com o início das atividades do Programa de Formação em Museologia para os povos indígenas em Pernambuco, que será desenvolvido em 2014, já aprovado com recursos do Ministério da Educação do Governo Federal.

ANTROPOLOGIA INDÍGENA EM PERNAMBUCO: PESQUISAS E PERSPECTIVAS CONTEMPORANEAS.

cartazseminraio
Seminário de encerramento da disciplina Antropologia Indígena/2012.2

 

Data: 23 de abril de 2013, terça-feira.

Local: auditório do Programa de Pós-Graduação em Antropologia e Museologia – 13º- andar do Centro de Filosofia e Ciências Humanas/Universidade Federal de Pernambuco (CFCH/UFPE – Campus Recife).

PROGRAMAÇÃO

Manhã

8hs

Credenciamento

8:30hs.

Palestra de abertura

A produção antropológica sobre povos indígenas em Pernambuco

Ministrante: Prof. Renato Athias (PPGA/UFPE e FUNDAJ)

10hs.

Mesa-redonda I: História, antropologia e movimento indígena em Pernambuco

Mediação: Prof. Alexandre Gomes (DAM/UFPE)

Participantes:

Carlos Fernando dos Santos – PPGH/UFPE (A presença indígena no sertão de Pernambuco no século XIX: revisando o paradigma da extinção);

Lara Erendira – PPGA/UFPB (A organização social e política dos povos indígenas em Pernambuco: disputas territoriais e processos de regularização fundiária);

Kelly Oliveira – PPGA/UFPB (Movimento indígena em Pernambuco: entre o contexto nacional e as estratégias de mobilização locais)

Tarde

14hs.

Mesa-redonda II: Retomadas territoriais e presença indígena na cidade do Recife: questões contemporâneas

Mediação: Prof. Edwin Reesink (PPGA/UFPE)

Participantes:

Hosana Santos – LAE/Rural-UFPE (Estratégias sociais e as lutas do povo Xukuru do Ororubá);

Sérgio Romualdo (povo Kiriri/BA) – Filosofia/Unicap e Espaço Cultural Sepé Tiarajú/Olinda (Ser indígena na cidade do Recife: opções e desafios);

Camila Meneghini – PPGA/UFPE (Mulheres indígenas na cidade do Recife)

 

16hs.

Mesa-redonda III: Dinâmicas políticas, ritual e etnobiologia entre povos indígenas em Pernambuco

Mediação: Prof. Peter Schroder (PPGA/UFPE)

Participantes:

Wilke Melo (povo Fulni-ô/PE) – NEPE/UFPE (Dinâmicas políticas indígenas e o processo de resistência étnica dos Fulni-ô)

Estevão Palitot – PPGA/UFPB (Toré: ritual e performance entre os povos indígenas em Pernambuco)

Nivaldo Aureliano – PPGCB/UFPB (A Ciência da Caça e o Complexo do Mel: os Atikum-Umã e o seu ambiente).

18hs.

Conferência de encerramento: Perspectivas teóricas e desafios políticos para a antropologia indígena em Pernambuco

Ministrante: Profa. Vânia Fialho (PPGA/UFPE e Núcleo de Identidade e Diversidade/UPE)

Coquetel de encerramento

_____________________________________

O evento terá transmissão simultânea via Internet, através do endereço: Twitter:@Museusindigenas

 

Maiores informações e programação: https://museusindigenaspe.wordpress.com/

_____________________________________

Realização: Departamento de Antropologia e Museologia/Universidade Federal de Pernambuco – Dam/UFPE

Promoção: Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Etnicidade (NEPE), Curso de bacharelado em Museologia

Apoio: Curso de Bacharelado em Antropologia – Universidade Federal da Paraíba

____________________________________

 

Comissão organizadora

Coordenação-geral: Alexandre Gomes (Dam/Ufpe)

Integrantes: Mônica Pedrosa, Polly Cavalcanti, Dayana Souza, Eugênia Santos, Janayna Emidio, Lou Agnes, Jéssica Silva, Flávia, Paula Souza, Elaine Santana, Rômulo Santos, Ruan Andrade, Karen Larissa, Eliane Soterio.

Programação!

I Encontro de Museus Indígenas de Pernambuco

Data: 13, 14 e 15 de dezembro 2012

Locais: Auditório do Centro de Filosofia e Ciências Humanas e do Centro de Informática/UFPE; auditório Benício Dias (Museu do Homem do Nordeste/Fundação Joaquim Nabuco)

Promoção e Realização:

Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Etnicidade – NEPE

Programa de Pós Graduação em Antropologia – PPGA/UFPE

Departamento de Antropologia e Museologia – DAM/UFPE

Curso de Bacharelado em Museologia/UFPE

PROGRAMAÇÃO:

 

Dia 13 de dezembro, quinta-feira

 

MANHÃ

 

8 às 10

Reunião de Planejamento

Participantes: equipe técnica (articuladores indígenas, estudantes de museologia/UFPE e coordenadores)

Local: Auditório do Programa de Pós-Graduação em Antropologia – Centro de Filosofia e Ciências Humanas/CFCH, 13º- andar)

 

10 às 12hs

Mini-curso

Identificação e musealização de acervos arqueológicos em áreas indígenas em Pernambuco – Módulo I

Ministrante: Manoel Souto Maior – Arqueólogo

Participantes: representantes dos povos indígenas

Local: Auditório do Programa de Pós-Graduação em Antropologia – Centro de Filosofia e Ciências Humanas/CFCH, 13º- andar)

 

Inscrições e Credenciamento

13 às 17 horas

Local: térreo do CFCH/UFPE

 

17hs

Mesa de Abertura

Participantes: Edílson Souza (Pró-Reitor de Extensão da UFPE), Renato Athias (coordenador do NEPE), Felipe Evangelista da Silva (Coordenação de Museologia Social/IBRAM), Frederico Campos (FUNAI/Nordeste1), representante dos povos indígenas em Pernambuco.

Local: auditório do CFCH/UFPE

 

17:30hs

Conferência de Abertura

João Pacheco de Oliveira (Museu Nacional/UFRJ)

 

19hs

Coquetel

 

 

Dia 14 de dezembro, sexta-feira

 

MANHÃ

 

8 às 10hs

Mesa Redonda

Práticas Museais e Museus Indígenas

Coordenador: Renato Athias (PPGA/UFPE)

Participantes: Alexandre Gomes (DAM/UFPE), João Batista Gomes de Oliveira (Coordenador do PET Indígena/UNIFAP), George Vasconcelos (Casa de Memória do Tronco Velho Pankararu) e João Damasceno Figueiredo (Centro de Pesquisa de História Natural e Arqueologia do Maranhão).

Local: auditório do Centro de Informática/UFPE

 

10hs

Intervalo

 

10:30 às 12:30hs

Mesa Redonda

As experiências dos museus indígenas

Coordenador: Renato Athias (PPGA/UFPE)

Debatedor: João Pacheco de Oliveira (Museu Nacional/UFRJ)

Participantes: representantes dos museus indígenas: cacique Sotero (Museu dos Kanindé/CE), Ilzeni de Oliveira (Museu Virtual dos Pataxó/BA), Heraldo Alves “Preá” (Museu Indígena Jenipapo-Kanindé/CE), Nino Fernandes (Museu Maguta/AM), João Paulo Vieira (Projeto Historiando/CE), Papion Karipuna (Grupo Raízes Indígenas/RJ), Davi Felisberto dos Santos (PET Indígena/UNIFAP – Palikur) e Elder dos Santos (PET Indígena/UNIFAT – Karipuna).

Local: auditório do Centro de Informática/UFPE.

 

Almoço

Capibar (Rua Taparucá, 101)

 

TARDE

 

14hs

Apresentação dos resultados das oficinas de Diagnóstico Participativo de Práticas Museais entre os povos indígenas em Pernambuco (Atikum, Truká, Pankararu, Fulni-o, Pipipã, Kambiwá, Kapinawá, Pankará e Pankaiwká)

Coordenador: Alexandre Gomes (DAM/UFPE)

Participantes: equipe técnica do Projeto de Extensão Museus Indígenas em Pernambuco (estudantes de Museologia/UFPE e articuladores locais dos povos indígenas).

Local: auditório do Centro de Informática/UFPE

 

14:30 às 15:30hs

1º- Sessão: Pankararu, Pipipã, Atikum e Kambiwá

 

16:00 às 17:0hs

2ª Sessão: Pankaiwká, Truká e Fulni-o

 

17:30 às 18:30hs

3º- Sessão: Kapinawá, Pankará e Entre-Serras Pankararu

 

 

 

Dia 15 de dezembro, sábado

 

MANHÃ

 

8 às 10hs

Mini-curso

Identificação e musealização de acervos arqueológicos em áreas indígenas – Módulo II

Ministrante: Manoel Souto Maior – Arqueólogo

Participantes: representantes dos povos indígenas e demais interessados

Local: auditório Benício Dias (Museu do Homem do Nordeste/Fundação Joaquim Nabuco)

 

10:30 às 12:30hs

Debate em Grupos de Trabalho

 

I) Práticas Museais e Museus Indígenas: os desafios para formação e gestão;

 

II) Museus Indígenas e Políticas Culturais;

 

III) É possível uma Rede Nacional de Museus Indígenas?

 

14 às 16hs

Plenária Final

Apresentação dos resultados dos debates nos Grupos de Trabalho;

Reunião das instituições e dos representantes dos povos e museus indígenas presentes no Encontro para a definição dos encaminhamentos.

Local: auditório Benício Dias (Museu do Homem do Nordeste/Fundação Joaquim Nabuco)

 

17 hs

Confraternização de encerramento

Local: Jardim do Museu do Homem do Nordeste

 

 

Instituições convidadas:

 

Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM

Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN

Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco – FUNDARPE

Articulação dos Povos Indígenas do Nordeste, Minas Gerais e Espírito Santo – APOINME

Comissão de Professores Indígenas de Pernambuco – COPIPE

Museu do Estado de Pernambuco – MEPE

Museu do Homem do Nordeste – MUHNE

Fundação Nacional do Índio – FUNAI

Conselho Indigenista Missionário – CIMI

Secretaria de Educação Básica do Estado de Pernambuco – SEDUC/PE

 

Inscrições!

As inscrições para ouvintes no I Encontro de Museus Indígenas de Pernambuco são GRATUITAS!

Devem ser feitas através do preenchimento da ficha de inscrição requerida pelo Email: museusindigenaspe@gmail.com

Lembramos que também estaremos no dia 13 de dezembro fazendo as inscrições presenciais na entrada do auditório térreo do CFCH das 13h às 15h.